Buscar
  • Elis Cristina

AMIGOS DO JARDIM


Quem não quer ter um jardim lindo e saudável, não é mesmo? Entretanto, um jardim não é feito só de plantas… Sim, além dessas belezuras que nos encantam cada dia mais, sabemos que, principalmente, quando falamos em paisagismo sustentável, existem muitos outros elementos que compõem o ecossistema de um jardim, e, por sua vez, colaboram para que ele esteja sempre lindo e saudável!

Portanto, quando falamos em jardins, não podemos deixar de falar dos agentes POLINIZADORES, ou seja, os agentes, insetos, animais, ou o próprio vento e a água, que são responsáveis por transferir os grãos de pólen do órgão masculino da planta para o órgão feminino, proporcionando a perpetuação da espécie!!!

Muitas vezes escuto pessoas reclamando que suas plantas não dão flores e frutos, mas o que poucos sabem é que isso ocorre, na sua maioria, pela falta de agentes polarizadores.

As abelhas são as mais conhecidas quando o assunto é polinização, mas não é à toa, pois são responsáveis pela polinização de 3/4 dos alimentos que consumimos, porém, mesmo assim, infelizmente, hoje encontram-se ameaçadas de extinção.

Mas muita calma, sem pânico, vamos ligar o modo alerta para essa causa e começarmos a olhar com mais atenção para elas, assim como para todos os outros agentes polinizadores.

Quando pensamos em abelha, logo nos vêm a mente a imagem daquele insetinho listrado nas cores preta e amarela, a conhecida como Abelha Africa. Entretanto, vale a pena se atentar para outras espécies, pois no mundo todo, hoje, existem mais de 4.000 espécies de abelhas. Aqui no Brasil temos as nossas espécies nativas, que na sua maioria são desconhecidas da população e até chegam a ser confundidas com moscas, sendo elas:

  • Jatai

  • Irapuã

  • Mombuca

  • Moçabraves

  • Mandacaia

  • Uruçu

  • Jandira

  • Mirim

Além das abelhas, existem outros insetos e animais que são, também, responsáveis pela polinização das plantas; as borboletas, mariposas, besouros, morcegos, pássaros, beija-flores, moscas, vespas e alguns outros animais como os macacos.

E sabe aquele ditado que diz: Para todo pé descalço há sempre um chinelo velho?! rs

Brincadeiras à parte, o que quero dividir aqui com vocês é que para cada espécie de planta tem-se um ou até dois tipos de agentes polinizadores, ou seja, a arquitetura da flor onde encontram-se os grãos de pólen e o órgão reprodutor feminino tem a forma perfeita para atrair e receber seu(s) agente(s) polinizador(es) adequado(s). Exemplo é o da flor de maracujá, a qual só é polinizada pela abelha da espécie Bombu, conhecida como Mamangava, e na falta de uma a outra não pode existir! Além disso, #OlhaQueIncrívelIsso, as plantas têm suas florações em épocas diferentes para diminuir a competição entre elas de atrair os agentes polarizadores e para poder, também, proporcionar a eles alimentos durante o ano todo em troca do serviço que lhes são prestado. - COMO NÃO SE ENCANTAR COM ESSE EXEMPLO DE COLABORATIVISMO ❤️ ❤️ ❤️

Bom, até aqui já entendemos que ter esses amigos perambulando pelos nossos jardins é sinal de vida, mas agora vocês devem estar se perguntando - O que posso fazer para proporcionar um jardim receptível para eles?!

Pois muito bem, existem, sim, algumas medidas que podemos tomar, mas o mais importante é abrirmos a mente e o coração para que tenhamos, acima de tudo, uma coexistência de forma harmônica entre todos os seres! 😉

PLANTAS NATIVAS

Uma das formas de chamar estes agentes para seu jardim e atraí-los com o que desejam, pólen!

Plante plantas nativas, principalmente, para que ofereçam alimento e, também, habitat para eles e seus filhotes, e mantenha o jardim sempre bem cuidado e florido para que não lhes faltem nada.

Opte por plantas que vão atrair os agentes que mais quer ver por perto, como Nemathanthus westtsteini para beija-flor, Tropaeolum majus para borboletas, Ruellia elegans para borboleta e beija-flor, Ingavera para morcegos e beija-flor e Verbena tenera para abelhas.

ABRIGOS

Forneça abrigos aos agentes de forma a protegê-los do vento e permitindo que possam ter o conforto e segurança para fazer seus ninhos.

Use pedaços de troncos e faça alguns furinhos com broca, ou amarre junto alguns tubinhos de bambu, proporcionando abrigo para as abelhas. Cuidado com as podas em árvores que podem afastar ou destruir ninhos de passarinhos.

Deixe alimentos disponíveis, como frutas, para os passarinhos, bem como recipientes com água para que possam tomar banhos!

CUIDADOS COM GATOS E CACHORROS

É importante, para quem tem gato e/ou cachorro, garantir que ao atrair os passarinhos e outros agentes, que eles não venham a se tornarem presas daqueles! CUIDADO!

PRODUTOS QUÍMICOS

O uso de agrotóxicos e outros elementos químicos para cuidado e cultivo do seu jardim acaba matando e/ou afastando os agentes do seu jardim. É importante, se realmente for usar esses produtos, que use da forma corretíssima e em pouca quantidade, se não tiver jeito mesmo, escolha algumas marcas menos agressivas e aplique de forma que não disperse tanto pelo ar! Ouu.. . esquece isso ai e se joga nos produtos NATURAIS - bem miÓ!

Essas são algumas das medidas que favorecem a circulação desses agentes pelo seu jardim e com o tempo eles se sentiram, cada vez mais, convidados a passear e morar pelo seu jardim.

Por fim, que a verdade seja dita - NÓS NÃO PODEMOS VIVER SEM POLINIZAÇÃO E SEUS AGENTES! Encaremos, portanto, a polinização para além de um fato fascinante, mas também como uma função essencial para sobrevivência planetária!

Para terminar, quem ainda não viu o video que disponibilizei no início desse post, fica meu convite para vê-lo e se encantar, ainda mais, com o ato de POLINIZAR !

#biomabrasileiro #polinização #agentespolinizadores #amigosdojardim #abelhas #passarinhos #sustentabilidade #colaborativismo

34 visualizações

11 964000424

©2018 by Soul Verde.